sexta-feira, 22 de outubro de 2021

Coluna Tradição e Cultura do Jornal A Semana de Alvorada (RS) - 22.10.21

 CTG AMANHECER NA QUERÊNCIA

            Ontem teve início no CTG Amanhecer na Querência, o curso básico de danças gaúchas de salão, com sequência nas quintas-feiras, a partir das 20h. Venha participar. Basta seguir os protocolos sanitários devido a pandemia do Covid-19: uso obrigatório de máscaras, álcool em gel e apresentação da carteira de vacinas. Mais informações com a patroa Shirley Cambeiro pelo fone waths (51) 991.387.443. O CTG fica na Rua Tramandaí, 76, no Jardim Alvorada.

CTG TRADIÇÃO

         Já são 18 anos de fundação do CTG Tradição, que serão comemorados no dia 23 de outubro, com um grande baile gaúcho, que terá a animação de Lukhas Almeida e Grupo Armada de Laço. O valor do ingresso será de apenas R$ 15,00 por pessoa e para participar, todos deverão seguir os protocolos de segurança contra o Covid 19. Informações com o Vilmar (Neco) pelo fone waths (51) 999.053.902. O CTG fica na Av. Ildo Meneghetti, 360, no bairro Jardim Aparecida.

CPF O TEMPO E O VENTO

         No dia 23 de outubro, o CPF O Tempo e o Vento vai realizar mais um jantar pague & leve por apenas R$ 20,00 por pessoa, tendo no cardápio, arroz, feijão, massa alho e óleo, bife de frango e saladas. Contatos com a Alexandra pelo fone waths (51) 989.495.001. A entidade fica na Rua São Vicente, 233, no bairro Sumaré.

CTG SENTINELAS DO PAGO

         No dia 30 de outubro, voltará para animar um fandango no CTG Sentinelas do Pago (o “Baile dos Vacinados”), o Grupo Eco do Minuano e Bonitinho. Valor do ingresso: R$ 50,00 para casal e R$ 30,00 individual. Para participar, é necessária a apresentação da carteira de vacinação e o uso de máscara em todas as dependências do CTG. Informações com o patrão Alex pelo fone waths (51) 984.357.113. O CTG fica na Rua Porto Alegre, 216, no bairro Maria Regina.

CTG VALENTES DA TRADIÇÃO

         No dia 23 de outubro teremos um grande baile gaúcho no CTG Valentes da Tradição, tendo na animação o Grupo Rebeldia. Para poder participar do evento, é necessária a apresentação da carteira de vacinação e o uso obrigatório de máscara nas dependências do CTG. Informações com o meu amigo Rodrigo Nunes pelo fone waths (51) 994.847.889. O CTG fica na Rua Francisco Pinto da Fontoura, 635, no bairro Sarandi, em Porto Alegre.

CTG ALMA CRIOULA

         O CTG Alma Crioula e a Academia de Danças Alma Gaudéria boleiam a perna e te convidam para participar do curso de danças gaúchas de salão, que terá início no dia 24 de outubro, às 19h, com seguimento nos domingos. Poderão participar, dentro das normas de segurança devido a pandemia do Covid 19, os vacinados, que deverão apresentar a carteira de vacinação. Informações com o Dario pelo fone waths (51) 984.987.974. O CTG fica na Rua Frederico Dihel, 700, na Vila Elza.

CTG ESTÂNCIA DO RUBEM BERTA

         O CTG Estância do Rubem Berta e a Academia de Danças Marca Gaúcha te convidam para participar do curso de danças gaúchas de salão, que terá início no dia 29 de outubro, a partir das 20h30min, com seguimento nas sextas-feiras. As inscrições estarão abertas até a quarta aula e para participar, será necessário apresentar a carteira de vacinação, seguindo assim as normas sanitárias devido a pandemia do Covid 19. Contatos e informações pelos fones waths (51) 992.422.695 e/ou 994.214.807. O CTG fica na Rua Augusto Osvaldo Theisen, 280, no bairro Rubem Berta, em Porto Alegre.

        Fonte! Chasque (coluna) de Valdemar Engroff, publicado na edição do dia 22 de outubro, do Jornal A Semana de Alvorada (RS).

sexta-feira, 15 de outubro de 2021

Coluna Tradição e Cultura do Jornal A Semana de Alvorada (RS) - 15.10.21

 7ª CAVALGADA DO OUTUBRO ROSA

         No dia 17 de outubro, a Subcoordenadoria de Alvorada e a sua Campeira Feminina, promovem e vão realizar a 7ª Cavalgada do Outubro Rosa. Às 8h30min teremos um café, no Posto Baita Super, na Parada 63 e a saída será às 9h. A chegada será no CTG Amanhecer na Querência, onde teremos almoço (frango, porco, salsichão assados e acompanhamentos). Reserve e confirme o seu almoço (RS 25,00) pelo pix 51-991387443. Mais informações pelo waths (51) 995.185.219. O participante deve levar um quilo de alimento não perecível (destino – AAPECAN). Não será permitido: bebida alcóolica, bonés e calça jeans.

CTG TRADIÇÃO (1)

Começou no dia 8 de outubro, e segue nas sextas-feiras, e ainda com as inscrições abertas, o curso de danças gaúchas de salão no CTG Tradição, com o instrutor Matheus Cardoso, a partir das 20h30min. Será obrigatória a comprovação da segunda dose da vacina contra o Covid 19 e também será obrigatório o uso de máscara nas dependências da entidade. Informações pelo waths (51) 986.062.743. O CTG fica na Av. Ildo Meneghetti, 360, no Jardim Aparecida.

CTG TRADIÇÃO (2) PROMOVE BAILE

         É uma luta e já são 18 de fundação do CTG Tradição, que serão comemorados no dia 23 de outubro, com um grande baile gaúcho, que terá a animação de Lukhas Almeida e Grupo Armada de Laço. O valor do ingresso será de apenas R$ 15,00 por pessoa e para participar, todos deverão seguir os protocolos de segurança contra o Covid 19. Informações com o Vilmar (Neco) pelo fone waths (51) 999.053.902. O CTG fica na Av. Ildo Meneghetti, 360, no bairro Jardim Aparecida.

CTG CHILENA DE PRATA

         Teremos no galpão de eventos do CTG Chilena de Prata no dia 24 de outubro, um almoço beneficente em prol do amigo Batista. O valor do convite para adultos será de apenas R$ 15,00 por pessoa e para a criançada até dez anos, apenas R$ 10,00. No cardápio, coxa e sobre coxa, arroz e saladas. Informações e contatos com o Jaime pelo fone waths (51) 985.550.725 e/ou com o Antão pelo (51) 991.447.305. O CTG fica na Rua José do Patrocínio, 235, no bairro Jardim Porto Alegre.

CTG ALMA CRIOULA

         A patronagem do CTG Alma Crioula e a Academia de Danças Alma Gaudéria boleiam a perna e te convidam para participar do curso de danças gaúchas de salão, que terá início no dia 24 de outubro, às 19h, com seguimento nos domingos. Poderão participar, dentro das normas de segurança devido a pandemia do Covid 19, os vacinados, que deverão apresentar a carteira de vacinação. Informações com o Dario pelo fone waths (51) 984.987.974. O CTG fica na Rua Frederico Dihel, 700, na Vila Elza.

CTG ESTÂNCIA DO RUBEM BERTA

         O CTG Estância do Rubem Berta e a Academia de Danças Marca Gaúcha te convidam para participar do curso de danças gaúchas de salão, que terá início no dia 29 de outubro, a partir das 20h30min, com seguimento nas sextas-feiras. As inscrições estarão abertas até a quarta aula e para participar, será necessário apresentar a carteira de vacinação, seguindo assim as normas sanitárias devido a pandemia do Covid 19. Contatos e informações pelos fones waths (51) 992.422.695 e/ou 994.214.807. O CTG fica na Rua Augusto Osvaldo Theisen, 280, no bairro Rubem Berta, em Porto Alegre.

        Fonte! Chasque (coluna) Tradição e Cultura do Jornal A Semana de Alvorada (RS), edição do dia 15 de outubro de 2021, por Valdemar Engroff.

domingo, 10 de outubro de 2021

Renato Borghetti participa de atividade no Centro de Atendimento ao Autista

Artista reconhecido no estado trouxe o projeto ‘Fábrica de Gaiteiros’ para o município

"A apresentação ocorreu no auditório do Centro de Atendimento ao Autista" (Foto: Eduardo Porto)

Encerrando as atividades pedagógicas realizadas no mês de setembro, alusivo ao Dia do Gaúcho e a Revolução Farroupilha, o Centro de Atendimento ao Autista de Alvorada Iolanda Souza da Rosa (CMAA) recebeu na terça-feira, 28/09, Renato Borghetti. O instrumentista gaúcho premiado nacionalmente veio até o município para apresentar o projeto da ‘Fábrica de Gaiteiros’.

Na oportunidade, foi realizada a oficina e experiência tátil para pessoas com deficiência. Além disso, também foram apresentadas informações sobre a fabricação de gaita, a história do instrumento no Rio Grande do Sul e no Brasil e a sua importância cultural no país. Borghetti também esclareceu as diferenças entre um acordeon pianado e um acordeon ponto.

O evento se encerrou com muita música e uma apresentação de dança dos alunos de musicoterapia. “É muito importante a participação de um artista que traz toda a cultura e o conhecimento para os nossos alunos. Nós fizemos esse trabalho para ajudar no desenvolvimento e na interação dos alunos. Hoje foi a abertura desse projeto e vamos trazer para Alvorada um grupo de gaiteiros”, relata a diretora do CMAA, Carla Zarbato.

Projeto ‘Fábrica de Gaiteiros’

A ‘Fábrica de Gaiteiros’ é um projeto voltado à sociedade que forma alunos de acordeão, instrumento conhecido popularmente na região sul do Brasil como gaita de oito baixos. O projeto acontece nos municípios gaúchos de Guaíba, Barra do Ribeiro, Porto Alegre, Tapes, Butiá, São Gabriel, Bagé e Lagoa Vermelha; e em Santa Catarina nas cidades de Lages e Blumenau, com a participação de mais de 500 crianças e adolescentes.

Em entrevista, Renato Borghetti falou sobre a importância que vê em seu projeto e os motivos de ter trazido a ação para dentro de Alvorada. “Eu sempre tive a vontade de ampliar o nosso projeto. Nós temos alunos autistas e com deficiência visual e, muitas vezes, a gente aprende junto com os alunos sobre como devemos fazer o atendimento”, relata o gaiteiro.

Para ele, poder trabalhar com crianças que necessitam torna o projeto ainda mais gratificante. “Nós estamos desenvolvendo uma gaita específica para os deficientes visuais. A música é transformadora e acredito que conseguimos ajudar muitas pessoas através da nossa arte. A energia que existe aqui e que a arte traz faz diferença na vida das pessoas”, finaliza Borghetti. 

Fonte! Chasque (post) publicado nas páginas do Jornal A Semana de Alvorada (RS), edição do dia 1º de outubro de 2021. Também acessível no www.jornalasemana.net.

sexta-feira, 8 de outubro de 2021

Coluna Tradição e Cultura do Jornal A Semana de Alvorada RS - 08.10.21

 CTG TRADIÇÃO

        Começa neste dia 8 de outubro, e segue nas sextas-feiras, o curso de danças gaúchas de salão no CTG Tradição, com o instrutor Matheus Cardoso, a partir das 20h30min. Será obrigatória a comprovação da segunda dose da vacina contra o Covid 19 e também será obrigatório o uso de máscara nas dependências da entidade. Informações pelo waths (51) 986.062.743.

E no dia 12 teremos almoço (com “bailinho” logo após) no galpão a R$ 20,00 antecipado até o dia 11. Na hora custará R$ 30,00. Adquira seu convite com o Neco pelo waths (51) 999.053.902. O CTG fica na Av. Ildo Meneghetti, 360, no Jardim Aparecida.

CTG SENTINELAS DO PAGO

         O CTG Sentinelas do Pago programou para a partir de hoje, dia 8 de outubro, às 20h, com seguimento nas sextas-feiras, o curso de danças gaúchas de salão para vacinados, onde os participantes deverão apresentar a carteirinha de vacinação e serão aplicados todos os protocolos contra o Covid 19 – e entre estes, será obrigatório o uso de máscara e de álcool em gel. O curso foi liberado pela Secretaria Municipal da Saúde. Informações pelos fones waths (51) 989.554.860 e/ou 984.357.113. O CTG fica na Rua Porto Alegre, 216, no bairro Maria Regina.

JANTAR DA PRIMAVERA

         No dia 09 de outubro, no CTG Amanhecer na Querência teremos o jantar da primavera, um evento do Grupo Escoteiro Chefe Ieda, tendo no cardápio galeto com saladas e som ambiente e com todos os protocolos de segurança devido à pandemia do Covid 19. Valor do convite apenas R$ 20,00 e estes serão vendidos antecipadamente e serão limitados. O CTG fica na Rua Tramandai, 76, no Jardim Alvorada.

PRIMEIRO CTG DO MUNDO

         Dentro de todas as normas de segurança impostas pelas autoridades sanitárias, o 35 CTG e a sua invernada adulta te convidam para participar no dia 9 de outubro, do grande jantar-baile a partir das 21h, tendo no cardápio galeto assado, salsichão, arroz e saladas (maionese e verdes). Na animação Kerolin Acordionista e seu pai e o Conjunto 35. Valor R$ 25,00 por pessoa. Informações pelo waths (51) 996.118.619. Reservas pelo pix artistico35ctg2020@gmail.com. O 35 CTG fica na Av. Ipiranga, 5300, em Porto Alegre.        

CTG GILDO DE FREITAS

         No dia 10 de outubro, com seguimento nos domingos, vai iniciar o curso de danças gaúchas de salão – básico às 19h e avançado às 21h. Será exigida a carteira de vacinação de cada participante, e poderá participar o curso somente com o ciclo completo de vacinação. Os cursos serão ministrados pelos instrutores Cris e Chico. Pais que levarem seus filhos menores de 13 anos, o filho não paga o curso. Informações pelo fone waths (51) 984.466.780. O CTG fica na Av. Gamal Abdel Nasser, 340, no Parque dos Maias, em Porto Alegre.

7ª CAVALGADA DO OUTUBRO ROSA

         No dia 17 de outubro, A Subcoordenadoria de Alvorada e a sua Campeira Feminina, promovem e vão realizar a 7ª Cavalgada do Outubro Rosa. Às 8h30min teremos um café, no Posto Baita Super, na Parada 63 e a saída será às 9h. A chegada será no CTG Amanhecer na Querência, onde teremos almoço (frango, porco, salsichão assados e acompanhamentos). Reserve e confirme o seu almoço (RS 25,00) pelo pix 51-991387443. Mais informações pelo waths (51) 995.185.219. O participante deve levar um quilo de alimento não perecível (destino – AAPECAN). Não será permitido: bebida alcóolica, bonés e calça jeans. 

        Fonte! Coluna Tradição e Cultura do Jornal A Semana de Alvorada (RS), edição de 08 de outubro de 2021, por Valdemar Engroff.

sexta-feira, 1 de outubro de 2021

Coluna Tradição e Cultura do Jornal A Semana de Alvorada (RS) - 01.10.21

 CTG SENTINELAS DO PAGO

            Aos poucos as atividades tradicionalistas estão sendo retomadas em nossa cidade. Já tivemos, com restrições devido a pandemia o Acampamento Farroupilha e agora o CTG Sentinelas do Pago programou para a partir do dia 8 de outubro, a partir das 20h (com seguimento nas sextas-feiras), o curso de danças gaúchas de salão para vacinados, onde os participantes deverão apresentar a carteirinha de vacinação e serão aplicados todos os protocolos contra o Covid 19 – e entre estes, será obrigatório o uso de máscara e de álcool em gel. O curso foi liberado pela Secretaria da Saúde do nosso município. Informações pelos fones waths (51) 989.554.860 e/ou 984.357.113. O CTG fica na Rua Porto Alegre, 216, no bairro Maria Regina.

CHASQUE DA SUBCOORDENADORIA

         A Subcoordenadoria do tradicionalismo de Alvorada convida os tradicionalistas para o 2º Encontro Cultural, com a Mostra Folclórica de Brinquedos e Brincadeiras, que será realizada no galpão do CTG Amanhecer na Querência no dia 06 de outubro às 20h. Cada CTG leva a sua mostra e um prato de doce ou salgado. O CTG fica na Rua Tramandaí, 76, no Jardim Alvorada. Informações com o Subcoordenador Jair Martins pelo fone waths (51) 999.994.513.

JANTAR DA PRIMAVERA

         No dia 09 de outubro, no galpão do CTG Amanhecer na Querência teremos o jantar da primavera, um evento do Grupo Escoteiro Chefe Ieda, tendo no cardápio galeto com saladas e som ambiente e com todos os protocolos de segurança devido à pandemia do Covid 19. Valor do convite apenas R$ 20,00 e estes serão vendidos antecipadamente e serão limitados. O CTG fica na Rua Tramandai, 76, no Jardim Alvorada.

CTG GILDO DE FREITAS

         No dia 10 de outubro, com seguimento nos domingos, vai iniciar o curso de danças gaúchas de salão – básico às 19h e avançado às 21h no CTG Gildo de Freitas. Será exigida a carteira de vacinação de cada participante, e poderá participar o curso somente com o ciclo completo de vacinação. Os cursos serão ministrados pelos instrutores Cris e Chico. Pais que levarem seus filhos menores de 13 anos, o filho não paga o curso. Informações pelo fone waths (51) 984.466.780. O CTG fica na Av. Gamal Abdel Nasser, 340, no Parque dos Maias, em Porto Alegre.

ESTÁTUA DO LAÇADOR É REMOVIDA PARA RESTAURO

Nesta terça-feira (28), a escultura do Laçador foi retirada de sua morada, e levada para um pavilhão próximo ao Aeroporto Salgado Filho, onde será restaurada. Toda ação para a retirada foi acompanhada de perto pela Ordem dos Cavaleiros do Rio Grande do Sul, (OrCav) que fez o cortejo até o local do restauro. O Laçador precisará ser aberto para a retirada do concreto que colocaram durante a outra troca de lugar. Além disso, ganhará uma estrutura interna em aço inox para funcionar como uma coluna, já que, a obra é oca.

O Conselheiro Edson Fagundes, o Edinho, representou a diretoria do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG) e, o diretor da OrCav macrorregional, Solon Silva, juntamente com uma equipe composta de nove cavaleiros e amazonas, cumpriu o cívico dever. A fonte deste chasque é o sítio oficial do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG/RS) no grande potreiro do Facebook - https://www.facebook.com/MTGRIOGRANDEDOSUL

Fonte! Coluna Tradição e Cultura do Jornal A Semana de Alvorada (RS), edição do dia 01 de outubro de 2021, por Valdemar Engroff.  

quarta-feira, 29 de setembro de 2021

Acampamento Farroupilha termina e projeções para o próximo ano já começaram

Entre as possíveis novidades está a realização em um novo e definitivo local

"Acampamento Farroupilha termina e projeções para o próximo ano já começaram" (Foto: Divulgação)

Além de comemorar o Dia da Revolução Farroupilha, o 20 de setembro também marcou o encerramento do Acampamento Farroupilha montado no Bairro Jardim Alvorada. O evento, que iniciou no dia 07 com a chegada da Chama Crioula, reuniu milhares de tradicionalistas e interessados pela cultura gaúcha com churrasco, chimarrão (individual) e música tradicionalista.

Conforme conta o subcoordenador da 1ª Região Tradicionalista, Jair Martins, o evento é avaliado por ele de forma positiva por vários fatores. O primeiro é que houve a presença de muitos moradores da cidade, mas também por tradicionalistas de Gravataí, Viamão e Porto Alegre. “Esse ano tivemos bastante chuva e barro porque não temos calçamento como na Praça, mas o pessoal veio em peso e nos surpreendeu”, conta.

Outro motivo é que, antes do início do evento, a Prefeitura realizou a limpeza dos bueiros e bocas de lobo, além de uma operação tapa-buraco nos arredores do Acampamento. “Só vieram pessoas direcionadas ao evento ou que queriam conhecer, foi algo bem selecionado. Não tivemos nenhum tipo de incidente e foi tudo dentro da normalidade. Seguimos os protocolos e mantivemos o número de pessoas dentro do parque limitado pela questão da pandemia”, avalia.

Além das festividades normais, cada Acampamento é marcado por apresentações artísticas e culturais. Sobre isso, Jair Martins comentou que os tradicionalistas puderam realizar todas as oficinas culturais que contou com a presença do prendado municipal e também, pela primeira vez, com todo o prendado do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MT) juntamente com o coordenador da região e autoridades municipais, como o prefeito em exercício Valter Slayfer (PL). “Em todos os dias desde o início tivemos cerca de 18 mil pessoas desde o início do evento”, salienta.

Arrecadação de alimentos

O subcoordenador conta que um dos objetivos do evento era o de arrecadar alimentos para serem doados aos que mais precisam e entidades municipais. Assim, foi definido que a entrada no Parque seria um quilo de alimento não perecível.

No entanto, ninguém levou nenhum donativo e numa reunião entre o seu departamento e a Secretaria de Cultura, Esporte e Juventude (SMCEJ) foi decidido que seria “cobrado” como ingresso uma doação espontânea de qualquer valor para ser revertida na compra destes alimentos. “A nossa missão era arrecadar alimentos e montar estas cestas básicas e conseguimos muitos alimentos. Foi mais de 1.5 mil quilos arrecadados e em parte já foi doado e o restante serão distribuídas no Bairro Umbu e Sitio dos Açudes”, lembra.

Novo Acampamento

Agora, passado o Acampamento de 2021, a expectativa é pela volta do prefeito José Arno Appolo do Amaral (MDB), que está em férias. Tudo porque, segundo Martins, os tradicionalistas esperam o aval do chefe do Executivo para que uma área de 31 hectares localizada no Distrito Industrial seja doada para que o próximo Acampamento já seja montado neste espaço. “Acredito que o próximo acampamento seja lá. Estamos batalhando desde 2019 quando assumi a coordenadoria e o prefeito voltando de férias vai decidir o local e provavelmente seja lá”, conclui. Esta é uma área que era de propriedade do Estado e foi entregue ao município. 

Fonte! Chasque publicado nas páginas do Jornal A Semana de Alvorada (RS), edição do dia 24 de setembro de 2021. Também acessível nos potreiros da Internet. Abra as porteiras clicando em  https://www.jornalasemana.net/

terça-feira, 28 de setembro de 2021

Cantores tradicionalistas falam sobre o impacto da pandemia nos shows e bailes durante setembro

Considerado o mês Farroupilha, setembro era marcado pelo aumento de apresentações do gênero


Na segunda-feira, 20 de setembro, foi celebrado o Dia do Gaúcho. A data é relacionada a Revolução Farroupilha e o mês sempre foi marcado pelos acampamentos, bailes e shows voltados para os tradicionalistas e nativistas. Por mais que as entidades tivessem atividades durante o ano todo, setembro sempre foi marcado pelo aumento de shows e ações para os amantes da cultura gaúcha.

Contudo, desde o ano passado, o cenário é diferente. Isso porque, devido a pandemia do coronavírus, todas as atividades foram suspensas em 2020. Não houve acampamentos e nem bailes no Rio Grande do Sul. Já em 2021 houve uma retomada em algumas cidades, mas respeitando os protocolos de distanciamento e sem a mesma quantidade de pessoas e eventos de anos anteriores.

De 22 shows para oito

Anderson Oliveira tem 37 anos e faz parte do Grupo Charla Pampeana

Anderson Oliveira tem 37 anos e hoje faz parte do grupo Charla Pampeana. Ele conta que, em 2019, fez 22 apresentações e que a média sempre era de, no mínimo, dez shows no mês de setembro. Contudo, em 2020, o artista participou apenas de eventos on-line e, esse ano, fez oito shows. Com isso, o impacto financeiro e psicológico foi intenso – assim como para outros tradicionalistas.

Contudo, esse momento criou laços de solidariedade para ajudar quem mais ficou carente com a pausa dos shows. “Muitos colegas, que passaram por necessidades, foram acolhidos por uma corrente do bem. Artistas e colegas somando forças para levar alimentos e demais necessidades. A pandemia nos trouxe muitos saberes, uns mais doloridos outros transformadores”, salienta Oliveira.

Um impacto drástico

Eliandro Luz faz parte do grupo Oh de Casa e tem carreira solo

Já para Eliandro Luz, que faz parte do grupo Oh de Casa e tem a carreira solo, o impacto dessa pausa foi drástico. “O nicho da música gaúcha já trabalhava de forma precária no que diz respeito a valores. A concorrência era desleal e os preços defasados. Mas ainda sim setembro servia para dar uma equilibrada financeira dentro das empresas que fornecem músicas aos eventos”, pondera o alvoradense.

Para o artista, a Covid-19 piorou o que já estava complicado e o retorno ainda depende de vários fatores. “Não consigo enxergar a normalidade em menos de dois anos. Não é ser pessimista. Mas como citei, o mercado já não vinha tão forte. Já não havia segurança para o trabalho artístico musical gaúcho. Até as casas e entidades que promovem eventos reconstituírem suas forças, ainda levará um bom tempo”, enfatiza Luz.

Perspectivas de um novo normal

Leandro Berlesi é muito conhecido

Pelo seu trabalho nos Centros

De Tradição Gaúcha

Já Leandro Berlesi projeta um retorno mais próximo da data em que circula esta edição. “Acredito que até o final do ano teremos o que chamamos de ‘normal adaptado’, e até março de 2022, teremos de volta à normalidade. Antes da pandemia eu tinha uma média de 20 trabalhos em setembro, entre shows, bailes e rodeios. Em 2020 caiu para 05 e neste ano tive uns 10 eventos. Sinal de que estamos voltando”, ressalta o alvoradense. 

O artista é muito conhecido pelo seu trabalho nos CTG’s e afirma que a pandemia afetou o setor. “O impacto foi muito grande, pois nossos eventos dependem muito da dança e do contato físico, por conta dos bailes e rodeios. A impossibilidade do contato inviabilizou a maior parte da nossa atividade. Os CTGs e seus grupos de dança praticamente acabaram, e agora lutam lentamente por um recomeço”, conclui Berlesi. 

Fonte! Chasque publicado nas páginas do Jornal A Semana de Alvorada (RS), edição do dia 24 de setembro de 2021. Também acessível nos potreiros da Internet. Abra as porteiras clicando em  https://www.jornalasemana.net/

segunda-feira, 27 de setembro de 2021

1ª Alvorada da Canção Nativa celebra os 56 anos do aniversário de Alvorada

Além disso, foi confirmada a realização de um novo festival para abril do próximo ano

"Cristiano Quevedo se apresentou no primeiro dia de evento" (Foto: Divulgação)

De 15 a 17 de setembro aconteceu a primeira edição da Alvorada da Canção Nativa que, além de marcar o pré-lançamento do 1º Festival da Alvorada da Canção Nativa de 2022, celebrou o aniversário de 56 anos do município no último dia do evento.

O projeto cultural foi transmitido pela página do Facebook da Prefeitura e, conforme divulgado pela produtora One Brazil Eventos, totalizou mais de 12.300 visualizações e superando 26 mil pessoas alcançadas ao longo de toda a programação. Para quem não conseguiu acompanhar a live, há a possibilidade de assistir através da plataforma digital mencionada anteriormente, pois fica gravada. 

No dia 15 de setembro, houve a apresentação do músico Cristiano Quevedo, que foi escolhido como o artista do ano da música regional gaúcha e dos artistas nativistas Mano Jr e Guilherme Castilhos, Márcia Freitas, Loma, Germano Reis, Analise Severo, Jean Kirchof e Arison e Emerson que interpretaram diversas canções que representam o estado do Rio Grande do Sul.

Já no dia 16, a criançada tomou conta do evento e agitou a noite de quinta-feira. Os artistas que se apresentaram no projeto cultural foram, Alice Araújo, Marina Duarte, Vitor Henriques, Valentina Corrêa e Vitória Heck, participantes do The Voice Kids de edições anteriores e João Micuim do Programa Canta Comigo.

Aniversário

Dia 17 de setembro foi celebrado o aniversário de 56 anos de Alvorada. No início da live autoridades municipais felicitaram a cidade e posteriormente foi cantado o tradicional “parabéns a você”, com direito a bolo ilustrado com o brasão da Prefeitura. Depois destes momentos, foi apresentada uma reportagem especial, com os principais pontos da cidade e as palavras do Padre Libanor Picetti. As atrações começaram pelos artistas locais: Idelfonso Milcharek, Leandro Berlesi, Taison Neves e Anderson Oliveira, Ronan Fagundes e Claiton Fagundes e Eliandro Luz. Já o músico Alex Camboim finalizou a noite do evento.

Além disso, todos as atrações do dia 17, tiveram sua caricatura realizada pelo cartunista Jessi Costa da Família Falcote. Todos os participantes, ao longo dos três dias, receberam um troféu de participação.

O Projeto Cultural – 1ª Alvorada da Canção Nativa teve realização da Prefeitura Municipal de Alvorada e Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Juventude (SMCEJ), patrocínio da Companhia Riograndense de Saneamento (CORSAN), produção da One Brazil Eventos e apoio do Jornal A Semana.

Avaliação

Já durante esta semana, o secretário da SMCEJ, Jefferson Teixeira disse que o evento foi uma grata surpresa e algo que o prefeito sempre teve vontade de realizar. “Tivemos a oportunidade de levar à casa de alvoradenses a apresentação de grandes artistas regionais e locais o que nos deixou muito feliz e plantando uma semente para 2022 onde vai ser realizado o maior festival da região metropolitana e quem sabe daqui alguns anos sermos comparados aos grandes festivais da canção nativa do Rio Grande do Sul”, avalia.

No próximo ano o evento que já está confirmado deve ser realizado em abril e, em formato de competição. Além disso, serão premiados autores de músicas inéditas. “Ano que vem se for permitido, teremos a presença de público e vamos fazer em abril, preenchendo assim, todo o calendário cultural da cidade”, conclui. As inscrições devem ser realizadas até março de 2022.

Fonte! Chasque publicado nas páginas do Jornal A Semana de Alvorada (RS), edição do dia 24 de setembro de 2021. Também acessível nos potreiros da Internet. Abra as porteiras clicando em  https://www.jornalasemana.net/

domingo, 26 de setembro de 2021

Coluna Tradição e Cultura do Jornal A Semana de Alvorada (RS) - 24.09.21

 PROJETO FLORES DE MAÇANILHA

Créditos! Projeto Flores de Maçanilha no sítio Facebook
             O Projeto Flores de Maçanilha esteve no dia 19/09/2021 no III Adelante da Poesia, em Alvorada no Acampamento Farroupilha. "Apresentamos o livro do I Concurso Literário de Poemas Inéditos, realizado em 2020 e anunciamos o início das oficinas de criação literária e de declamação que acontecerão com início previsto ainda neste ano, para todas as cidades interessadas" conta Joseti Gomes, idealizadora do projeto. As oficinas podem ser agendadas com ela pelo whatsapp (51)984.542.033. "Levamos o Projeto até o teu CTG" - concluiu.

    A proposta é ouvir todas as crianças e jovens e orientá-los para a escrita e interpretação. Não é cobrado cachê, pois o Projeto tem o objetivo de acolhimento. Seja um apoiador e participe! Fonte! Sítio Rogério Bastos – www.rogeriobastos.com.br.

GESTÃO CANDEEIRO

Setembro é o mês dos Festejos Farroupilhas e junto dele arde a Chama Crioula. A Chama simboliza fertilidade, calor, claridade, ardor, paixão, hospitalidade e coragem. Simboliza a Tradição Gaúcha, representando o gaúcho idealizado no espírito heroico dos farroupilhas, com ideais de justiça e liberdade. No entanto, esta chama deve se manter acesa dentro de cada um de nós, da mesma forma que em um candeeiro crioulo. O fogo que arde na nossa alma é o que nos move, nos faz lutar pelo que acreditamos, nos faz ter esperança de um mundo melhor, mais humano.

A Gestão Estadual 2021/2022 que nasceu no setembro é a Gestão Candeeiro e busca esta energia positiva, resultado da união, do companheirismo e da força de cada um, para que o ano que segue seja de muito trabalho, reflexões, momentos marcantes e muito sucesso.

Tal qual candeeiros temos a responsabilidade de iluminar o Rio Grande Tradicionalista na retomada de nossos eventos e projetos presenciais. Para tanto, iniciamos nossa Gestão com a apresentação das Prendas e dos Peões que a compõe. Da mesma forma, estamos à disposição, com muita vontade e amor. Grande abraço! Fonte! sítio Facebook dos Peões e Prendas do RS - https://www.facebook.com/prendasepeoesdors/

BAGÉ E PALMEIRA DAS MISSÕES ELEGEM 1ª PRENDA E PEÃO FARROUPILHA DO RS

Foi realizada na tarde deste domingo, 12, a posse das prendas e peões do Rio Grande do Sul, gestão 2021/2022, com a entrega das faixas e crachás em solenidade realizada no galpão crioulo do 35 CTG. O resultado foi previamente divulgado durante uma live, no fim da tarde de sábado (11), diretamente da sede do MTG.  Na oportunidade, os 18 novos representantes da juventude tradicionalista foram nomeados e puderam se deslocar para a capital para a cerimônia de titulação. O evento diferenciado aconteceu em Porto Alegre, excepcionalmente, devido à pandemia.

O 35 CTG, abriu suas portas para receber o Rio Grande, cumprindo todos os protocolos sanitários de prevenção à Covid-19, com medição de temperatura, aplicação de álcool em gel e obrigatoriedade do uso de máscaras, além de restringir o número de convidados, permitindo que apenas familiares, coordenadores, conselheiros e imprensa participassem da solenidade.

A 1ª Prenda do Rio Grande do Sul é Carolina Ribas Martins, do CTG Pampa e Minuano de Bagé, 18ª RT. Já o Peão Farroupilha do Estado é Ramiro Grethe Bregles, representante o CTG Galpão da Boa Vontade, de Palmeira das Missões, 17ª RT. Bregles já ocupou um cargo estadual em gestão anterior. Fonte! https://www.mtg.org.br/

Fonte! Coluna Tradição e Cultura do Jornal A Semana de Alvorada (RS), edição do dia 24 de setembro de 2021, por Valdemar Engroff.